Búsqueda avanzada
Construção da memória e devoção na escolha de Nossa Senhora Aparecida como padroeira do Brasil
Almeida de Souza y Juliana Beatriz.
XIV Jornadas Interescuelas/Departamentos de Historia. Departamento de Historia de la Facultad de Filosofía y Letras. Universidad Nacional de Cuyo, Mendoza, 2013.
Dirección estable:
Resumen
A proposta do texto é a de analisar a memória construída a respeito da devoção em torno da imagem de Nossa Senhora Aparecida, a partir do período republicano brasileiro. No início do século XX, uma série de ações da Igreja católica, que encontraram eco nos governos republicanos, colocaram o culto a essa Virgem na centralidade das devoções populares, culminando com sua escolha para padroeira do Brasil, em 1930. A partir de documentação depositada no Arquivo da Cúria Metropolitana de Aparecida (São Paulo - Brasil), de jornais e de publicações comemorativas publicadas à época, a análise se centrará especialmente no período entre 1904, data da coração da imagem e 1931, quando ocorreram as comemorações pelo reconhecimento do seu padroado. Para a compreensão desse processo se trabalhará com a noção de construção da memória e se buscará relacionar o caso brasileiro com o contexto mais amplo devocional mariano, bem como a outros devoções latino-americanas que se tornaram padroeiras nacionais.
Texto completo
Creative Commons
Esta obra está bajo una licencia de Creative Commons.
Para ver una copia de esta licencia, visite http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0/deed.es.